Nike FuelBand SE: me botando pra correr

fuelbandQue me lembre esta é a primeira vez que escrevo o review de um produto neste blog. A razão pela qual faço isto é simples: desde que Nanna no dia 24/2/2014 me deu de presente uma pulseira Nike FuelBand SE minha vida mudou radicalmente. Bom: é importante contar a história do início.

Meu peso ideal gira em torno de 84 Kg. Desde que casei as coisas mudaram bastante e atualmente estou pesnado 104 Kg, o que tem me trazido alguns problemas, especialmente para o meu pé, que é chato e, apesar de sempre ter funcionado muito bem, começou a entrar em colapso devido a este meu excesso de peso. Não sou um cara esportista: detesto atividade física, odeio falar sobre esportes. Simplesmente não tenho paciência para a coisa mas como minha situação ficou muito negra passei a encarar atividade física como uma necessidade.

Personal trainer e Nike Training

Acredite: é fantástico!

Acredite: é fantástico!

Tentei diversas coisas. A primeira foi um personal trainer que me ajudou bastante mas infelizmente tive de parar pois o trabalho estava comendo todo o meu tempo. Logo em seguida comprei a única coisa útil que já vi para o Kinect: um guia de treinamentos da Nike chamado Nike Training. Não vou mentir: é incrível o negócio, meu queixo caiu e por umas duas semanas foi meu brinquedo favorito. O problema é que requer um bom espaço e no meu escritório este é bem limitado. Com isto desanimei e deixei de lado o negócio (mesmo por que a dublagem para o português me gera uma certa vergonha alheia, especialmente quando escuto “Você vai arrebentar!”).

(Li que o Kinect do XBox One consegue detectar batimentos cardíacos: se for verdade e sair um Nike Training para ele, não duvide, vou comprar um XBox One mesmo sabendo que há 90% de chance de ser outro fracasso aqui em casa)

Neste meio tempo também compramos a cota de um clube perto de casa mas este acabou deixando de ser um lugar aonde eu iria praticar esportes (natação principalmente) para se tornar um divertido boteco com piscina, o que é excelente (adoro nadar bêbado) mas fugiu do objetivo completamente (e não vamos lá já faz uns dois meses).

Entra o FuelBand SE

Ano passado vi o anúncio de lançamento da pulseira Nike FuelBand e achei fantástico. A idéia era muito boa: ela mediria todas as minhas atividades físicas durante o dia e me incentivaria a me movimentar cada vez mais. Com isto eu me exercitaria enquanto trabalho, por exemplo, sem parecer que eu esteja fazendo atividade física, minimizando a preguiça. E nestes meses que se seguiram comentei diversas vezes com a Nanna a respeito mas infelizmente não vendem ainda no Brasil este produto. Então ela me deu de surpresa uma no final de fevereiro deste ano. E não foi qualquer uma: foi o último modelo, a Nike FuelBand SE!

O funcionamento da coisa é absurdamente simples: a Nike desenvolveu uma medida para atividade física chamada Nike Fuel. São pontos que você acumula durante o dia. “Infelizmente” a explicação que a Nike dá para o modo como esta pontuação é calculada é ridícula: vou traduzir o conteúdo da página oficial para que você confira:

NikeFuel está agora melhor do que nunca. Nós melhoramos os algoritmos para que possamos medir sua atividade física com maior precisão.

Se você já usou Nike+ FuelBand no passado, pode ter a impressão de que está ganhando mais pontos ao desempenhar atividades mais intensas como jogar futebol ou correr e menos pontos para atividades menos intensas como lavar roupas ou trabalhos manuais. De qualquer maneira, independente do modo como você se move NikeFuel é uma maneira universal para medir todas as suas atividades.

Resumindo: eles simplesmente não contam como isto é medido. Talvez seja simples efeito placebo, mas sabe de uma coisa? Não ligo pois estou vendo o resultado dia após dia. Meu condicionamento físico melhora cada vez mais, não me sinto mais exausto ao subir escadas e meu sono também melhorou.

Voltando ao funcionamento, é bastante simples. Quando você tira a sua pulseira da caixa, a primeira coisa que deve fazer é instalar um programa chamado Nike+ Connect. Há versões dele para Mac e Windows. Em seguida você deve plugar sua pulseira na porta USB do seu computador.  Você irá entrar com seus dados básicos: sexo, peso, altura, etc para em seguida  definir qual a sua meta diária de NikeFuel.

Este é um ponto negativo do produto: não há um guia (pelo menos não encontrei) que te ajude a tomar esta decisão. Então peguei o valor default do software: 2500 pontos. No primeiro dia bati fácil esta meta, então aumentei para 3000 e tem sido esta a minha meta até agora.

Dia a dia com a pulseira

O seu dia a dia com ela é bastante tranquilo. Há um único botão que você usa para poder acessar suas medições diárias:

  • Fuel: quantos pontos você acumulou até aquela hora durante o dia.
  • Hours Won: quantas horas você se movimentou por mais de 5 minutos.
  • Steps: quantos passos você deu até aquele momento.
  • Cals: quantas calorias você queimou até aquela hora (pode ser bastante deprimente)
  • Time: relógio. (é o relógio mais bonito que já viu ou usei sem dúvida)

Você navega entre as métricas pressionando o botão. Se quiser ir direto para o relógio basta apertar duas vezes. Simples e direto. E o display é incrível: são pouquíssimos pontos que surgem como mágica na pulseira, é bem “coisa do futuro”.

Há um recurso muito bacana na pulseira que são as sessões. Imagine que você vai sair para uma caminhada e queira medir quantos pontos ganhou. Simples: você mantém apertado o botão por três segundos até aparecer o texto START. Pressione novamente o botão para que a sessão se inicie.  Quando terminar os seus exercícios basta pressionar o botão por três segundos para que a sessão seja finalizada.

Durante a sessão as métricas expostas mudam, e este é um ponto bem bacana:

  • FPM (Fuel per minute): quantos fuel points você está fazendo por minuto. Bacana pra verificar seu ritmo.
  • Elapsed Time: quanto tempo sua sessão durou.
  • FUEL: quantos fuel points você acumulou durante a sessão.

Como ela te incentiva

Se você ficar uma hora sem muita atividade física a pulseira começa a piscar com o seu nome um texto do tipo “GO HENRIQUE, GO!”. É a hora em que você deve se levantar da sua mesa, ir tomar uma água, conversar com os amigos, etc. Este foi o ponto que chamou o interesse pela pulseira. Sim: isto é configurável para que não fique extremamente irritante.

Outro ponto bacana é que todo dia você deve conectá-la ao seu computador. O software Nike+ Connect irá transmitir seus dados para o site NikePlus aonde é possível acompanhar todas as suas estatísticas. Há uma série de troféus que você ganha conforme progride nas suas atividades físicas. Parece tolice, mas por mais incrível que pareça (e eu estou pagando língua), é um PUTA incentivo. Você fica querendo cada vez mais, e é um pouco deprimente quando vê que não conseguiu superar a sua meta diária ou da semana.

E com isto meus hábitos foram se modificando: de repente me pego indo a pé para o trabalho diáriamente só para ganhar mais pontos. E não só ir para o trabalho, VOLTAR TAMBÉM! Um dia obtive mais de 4000 pontos (4560!) e foi uma sensação incrível. Logo em seguida me senti um idiota, mas no dia seguinte ignorei este sentimento negativo.

O lado feio

Nem tudo é perfeito. Pra começar atualmente ela só funciona com iPhones, sendo assim, se você, como eu, é usuário Android, a única maneira de sincronizar os dados com o site é via USB mesmo. E também não dá pra acompanhar pelo Android o seu desenvolvimento como no iPhone. Uma pena, mas acredito que seja temporário isto.

O site NikePlus+ também não é dos melhores. Na realidade é dos piores. O tempo inteiro você topa com mensagens como a do print abaixo:

NikePlus em manutenção?

NikePlus em manutenção?

De duas uma: ou as pessoas ficam dando manutenção o tempo inteiro ou é simples pau. Como sei disto? Simples: basta clicar no botão voltar do browser que a etapa de manutenção acaba. Recentemente tive uma experiência bastante negativa: fiquei uns três ou quatro dias sem conseguir me sincronizar com o site (e num dos dias eu havia conquistado 4700 pontos!). Solução: tive de resetar a pulseira e perdi estes dias (ódio profundo).

Se o produto vingar (e vai) acredito que este site deva melhorar bastante a estabilidade, mas por enquanto ainda é bem fraquinho. Além disto há alguns bugs também: meu avatar, por exemplo, nunca é exposto direito no site, e muitas vezes na hora de me autenticar demora horrores!

Outro ponto muito negativo é que não está a venda no Brasil ainda. Eu adoraria conhecer mais gente que usa este negócio pra poder comparar minhas métricas. Pelo site isto é possível, mas infelizmente ainda não há público aqui.

No final

A ausência de um aplicativo para Android e um site ruim são problemas menores para este produto. Se o objetivo final dele é te incentivar a ter uma vida mais ativa, pelo menos no meu caso tem funcionado perfeitamente. Acredito que no Brasil deva custar algo em torno de uns R$ 600,00. Parece caro, mas acredito que vale cada centavo (se puder importar ou ganhar de presente, melhor ainda).

PS: não consegui emagrecer ainda, pois Pizzas me rondam pela noite, especialmente quando estou escrevendo, mas já percebo algumas melhorias físicas.

11 comments on “Nike FuelBand SE: me botando pra correr

  1. Rafael Romão

    Uma característica interessante desse tipo de produto é que uma vez que você estabeleceu a sua média diária, ainda que você se dê por satisfeito e não busque superá-la, ficará evidente quando você fica abaixo dela. Fica mais difícil você ir aos poucos abandonando as atividades físicas até se ver novamente no total sedentarismo.

    Responda

  2. Carlos

    Bem bacana o review!

    Sei que foi presente, mas teria como falar sobre a compra? Foi pelo site, importadora…?

    Abraços.

    Responda

    Kico (Henrique Lobo Weissmann) Reply:

    Oi Carlos, ela pediu para uma amiga trazer de uma viagem.

    Responda

  3. Guilherme

    Comprei uma semana passada e cada dia que passa vc quer ganhar aqueles troféus um puto incentivo e a pulseira tem um ótimo acabamento só a questão dos erros no site que ainda não tive nenhum ainda bem né!!!

    Responda

    Kico (Henrique Lobo Weissmann) Reply:

    Oi Guilherme, eu reparei que o site deu uma melhorada de uma semana pra cá. Também estou tendo muito menos problemas.

    Se você tiver um iPhone, tenho certeza que sua experiência está sendo bem melhor que a minha.

    O bacana é que este produto me disciplinou. Segunda feira eu estava pesando 104Kg. Peguei sério nas minhas metas e ontem estava pesando 100.8. Este sim foi um PUTA incentivo pra mim. :)

    Responda

  4. Dani

    Excelente explicação! Trouxe essa pulseira de uma viagem e estou APAIXONADA por ela. Ainda estava com algumas dúvidas sobre ela, então encontrei o seu texto e não tenho mais nenhuma. Concordo com tudo que disse, especialmente sobre o site da Nike, mas a pulseira está me incentivando demais. Também uso o a meta 3000 e adoro fechar a semana com o gráfico inteiro verde, sensação de dever cumprido. rs
    Parabéns pela explicação,e obrigada.

    Responda

    Kico (Henrique Lobo Weissmann) Reply:

    Oi Dani, obrigado!

    Responda

    Dani Reply:

    Cuidado, ontem tive uma péssima experiência, a pulseira simplesmente parou de funcionar, faz 1 mês que comprei, nunca teve mal uso, só a utilizo na academia e para correr. Fui conversar com algumas pessoas e vi muitas reclamações dizendo que ela não dura mais de alguns meses. Como tem garantia de 1 ano, mandei email para a Nike Brasil, e para minha surpresa eles não fazem nada, pq o produto não é comercializado aqui. Tenho conhecidos indo para os EUA no mês que vem e vou pedir para irem trocar, mas se depois de ver as reclamações que vi sobre o produto dar defeito, e o péssimo atendimento da Nike, estou pensando em devolve-la e pegar o reembolso do valor para comprar de outra marca. Fiquei super frustrada. :( Fiquem atentos a suas Fuelband’s, estou muito triste mesmo, porque essa pulseira estava me incentivando muito! Mas não vou desistir. :(

    Responda

    Kico (Henrique Lobo Weissmann) Reply:

    Vixe Daniela, assustador isto.

    A minha uso o tempo inteiro. Durmo e acordo com ela. Estou a usando há uns três meses e até agora tem funcionado bem.

    O único problema que tive até agora foi uma vez em que ela simplesmente não sincronizou mais com o servidor da Nike. Minha solução talvez te ajude: eu fui no aplicativo da Nike e pedi para que voltasse ao estado original. Funcionou e tá rolando até agora sem problemas.

    Um ponto importante é que este negócio também não é a prova d’água, mas sim resistente. Talvez possa ter ocorrido isto também. Especialmente se molhar os conectores dela, cuja proteção não é tão bacana assim. Algo que me dá um pouco de medo: cumular água na outra ponta da pulseira, sem ser a que tem os conectores. Isto poderia gerar um curto e queimar o bichinho.

    Se a minha queimar desconfio que vou comprar outra igual (tava pensando sobre isto outro dia).

    Tenta isto que te falei Daniela, se rolar, quem sabe ela não tá funcionando?

    Responda

    Dani Reply:

    Usava ela direto tb. Mas usava direitinho, nunca deixei molhar, tirava até qndo ia lavar louca por garantia. Ela parou de funcionar de uma hora

    Responda

    Dani Reply:

    De uma hora pra outra, depois que carreguei! Obrigada pela dica, vou tentar. Acho difícil resolver pq o q não funciona é o botão. Qndo conecto no meu pc, ele já abre o programa da fuelband, então ele reconhece, mas abre uma mensagem dizendo q não pode conectar, pra tirar e tentar novamente, e nunca funciona. Vou fazer esse teste de qlqr maneira. Obrigada! Mas como está na garantia, e tenho nota, vou tentar pedir reembolso ou troca-lá pois minha família vai pros EUA no mês que vem..

    Responda

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.